O único lugar do mundo que usou wodka Polonesa como Perfume - Distrito de Ribeirão Pequeno

publicado em:20/03/18 1:00 AM por: Jurandir Figueiredo Histórias e FatosGente da Terra

Quinta-Feira, 08 de Fevereiro de 2007 | 6 comentários

O único lugar do mundo que usou wodka Polonesa como Perfume 1Certa vez la pelos anos 1968 um dos filhos de Ribeirão Pequeno resolveu ir para Sp trabalhar, seu pai que era o melhor barbeiro de Ribeirão Pequeno, na época recebeu das mãos de seu filho uma garrafa de wodka wiborova como um presente bem bacana, então vendo aquela embalagem bonita e o rótulo prateado não contou tempo e pois em sua estante de espelhos que tinha em sua pequena barbearia, e quando os clientes chegavam para cortar a barba ou fazer a barba essa pessoa de coração muito puro fazia questão de passar a tal loção em seu rosto ou melhor no rosto do fregueses. Bom chegando para tirar a barba o sr Angelino Patricio percebeu que aquilo não era um perfume e sim uma bebida boa degustaram um pouquinho e gostaram e em poucos minutos secaram a tal garrafa e foi assim que nosso Rib Pequeno foi o único lugar do mundo a usar uma wiborova como loção nas faces de seus clientes. Isso não é legal?

Enviado por: Marcinho.Corrêa

 

Comentários
1 – WALTER DE BEM DUARTE 27/02/2007
Marcio poupou o Dede desta porque? voce sabe que le mandou como perfume , a culpa não foi do seu Zé Abraços [email protected]

2 – Marcinho Corrêa 02/03/2007
O QUE NÃO DEVIAMOS FAZER MAS FOI SÓ UMA BRINCADEIRA DE MOLEQUE CRECIDO. Certa noite saimos de Ribeirão Pequeno com destino a Ribeirão Grande a fim de dasarmos um baile como era de costume fazer ao chegar la ja escutamos alguem falar lá vem a turma de duros de Ribeirão , e na verdade eles tinham razão pois alguns tinham apenas o dinheiro da cota e olha lá cota era a entrada que a gente pagava para dançar casados pagavam 1cruzeiro e solteiro i,e 50 sempre era mais caro para os solteiros pois bem assim que terminou o baile e foi todo mundo para suas casas o pessoal da Coloninha juntamente com o Eufrazio o Santinho do seu Jorge subiram no sino e amarraro um fio de nilon e levaram até o morro e de lá batiam o tal sino que ficava ao lado da igreja até descobrirem asustou muita gente onde ja se viu o sino tocando sozinho á a essas alturas nós ja tiamos virado todos os bancos de cimento que tinha na pracinha quando foi domingo voltamos para o suere como disiamos ai o bicho pegou o seu Manoel Felipe que ainda hoje está firme e forte queria saber a todo pano quem tinha feito aquilo e o Walter de Bem Duarte estava com uma camisa de treis cores e o velho falava assim:o foi o filho do Cide ou foi aquele cobra CORALE do fonso e até ontem ainda não tinham descoberto quem fez tão rebaldaria.Abraços a vcs meus conterraneos. marcinho Corrêa

3 – Edison Rosa da Silveira 13/04/2008
Gostaria de maiores informações sobre o perfume. 61- 32154810 61- 84580849 Trabalho em Brasilia e resido em OSÓRIO – RS.

4 – Luana (Neta José Vitorino) 14/06/2008
Dei risadas da história da wodka. Gostei muito, meu avô e uma figura. hehe

5 – lebrinha 14/06/2008
lebrinha agradece e ri bastante, com essa história da vodka que zé vitorino andou fazenda. Realmente é muito engraçada.

6 – Marcinho Corrêa 25/04/2009
Meu Amigo Tião é com muito respeito e uma maneira de ficarmos lembrando das pessoas que gostamos postando essas histórias que vão ficar na história por mtos e mtos anos nossos primeiros cortes de cabelos foram feitos por mãos maravilhosas que tinham a rapidez de manusear sua tesoura deixando os meninos sempre a vontade e engabelando até ficar pronto o serviço seu pai vai ser sempre lembrado pelos Riberonenses pela pessoa q era gente humilde e de coração bom (saudades)



A última modificação foi feita em:março 11th, 2019 as 11:36 PM


Post Tags


Comentários



Adicionar Comentário